quinta-feira, 7 de junho de 2012

Firenze

Monumento ao Renascimento


Firenze, capital da toscana é uma aula de arquitetura renascentista, é considerada uma das cidades mais bonitas do mundo, é impossivel nao sei apaixonar! 

Banhada pelo rio Arno, é cenário de obras de artistas do Renascimento, como, Brunelesci, MichelangeloLeonardo da VinciGiottoBotticelliRafael SanzioDonatello, entre outros. Aqui estão reunidas tantas obras, trabalhos, esculturas, pinturas, afrescos, executadas por alguns dos maiores gênios que a humanidade já conheceu.
Chegamos no fim da tarde entao começamos o incrivel passeio pela Piazza Michelangelode onde pode-se apreciar toda beleza da cidade maravilhosa e emocionante. Como minha professora de historia da arte, Maria Elisa, costumava dizer, ''de la a Santa Maria del Fiore parece um grandenavio em alto mar''. 


Saindo de la fomos beirando  rio Arno até a Ponte Vechio, construída em 1345 e única ponte da cidade a escapar da destruição nazista durante a 2a guerra. Ao longo de suas duas extremidades encontram-se uma infinidades de pequenas lojas vendendo jóias de ouro e prata. 
Curiosidade: O corredor Vasariano acompanha a ponte do lado leste, passando por cima das lojas. Ele foi projetado por Giorgio Vasari para permitir a família Medic circulasse entre suas residencias sem se misturar com o povo.


No outro dia começamos o passeio é claro pela tao esperada Santa Maria del Fiore e a incrível cúpula de  Brunelleschi. Impossível não lembrar das aulas da Maria Elisa.
A igreja revestida com mármore verde, rosa e branco, conhecida como Duomo, e que levou quase dois séculos para ser construída, é a principal e mais famosa construção da cidade, além de ser a quarta maior catedral do mundo em tamanho. Em seu interior estão obras primas de grandes gênios da arte renascentista, como Zuccari, Donatello, Uccello e Ghiberti.
Tudo é incrivelmente grande é claro maravilhoso. Foi uma emoçao subir no lanternin da tao estudada cúpula e apreciar a vista deslumbrante do toda a cidade, sem perder nenhuma obra ou detalhe. Os afrescos do Juízo Final no interior da cúpula, iniciados por Vasari e finalizados por Zuccari, são de arrepiar, dá até medo! E a sensação de estar lá é inexplicável.

 
  

Cúpula com afrescos do Juizo Final.


A vista do Lanternin.
Subindo no Lanternin.
A frente da Igreja está batistério, com o teto do batistério é recoberto por mosaicos coloridos do sec 13, que ilustram tambem o Juizo Final. Na entrada, O Portão do Paraíso, maravilhosos portões de bronze, trabalho de Ghiberti, discípulo de Michelangelo encomendado para comemorar o fim da peste na cidade. ps: os originais ficam expostos no Museo dell'Opera del Duomo.
Cúpula Batistério.
Continuando nossas aulas práticas de História da Arte saímos de lá e fomos para o Spedale degli Inocenti, o primeiro orfanato da Europa inaugurado em 1444. A galeria com arcadas projetadas por Bunelleschi está decorada com medalhões de terracota esmaltados, com imagens de bebes.

Dali fomos para a Piazza San Lorenzo. Nela está a Basílica de San Lorenzo, obra de Brunelleschi de 1425, muito utilizada pelos Médici. A fachada foi projetada por Michelangelo, mas nunca foi acabada.
Fachada San Lorenzo inacabada.


Mais alguns passos e chegamos na Santa Maria Novella, outra obra maravilhosa e emocionante.


Finalizamos nosso tour de igrejas na Santa Croce, que guarda 276 sepulturas de nomes imortais das artes, como Michelangelo, Ghiberti, Machiavelli, Dante e Galileo, só para citar alguns. A própria igreja tem suas capelas projetadas por Giotto, Della Robbia e Brunelleschi.

 

No final da tarde fomos em um aperitivo uma delícia, chamado Colle Bereto. O lugar é super legal as comidinhas são ótimas e a música uma delicia, fica bem no centro de Firenze, próximo a Luis Viton.

No ultimo dia acordamos bem cedinho ja fomos direto conferir outro símbolo da cidade, o David de Michelangelo, ocupando um ponto de honra no prédio do Museo dell’Accademia, fundado em 1784 por Leopoldo de Lorena. A melhor opçao é chegar cedo pois a fila é de virar o quarteirao. Tirar foto é proibido mas até levar uma bronca nao sabia hehe!

Saindo de la fomos passeando até o Palazzo Piti, projetado por Brunelleschi para a família Piti, rival da família Médici. Em seu interior há tesouros da autoria de mestres como Raphael, Filippo Lippi, Tintoretto, Veronese e Rubens. Próximo ao Palazzo Pitti estão os jardins Boboli. Construídos com fontes, grutas, alamedas e lagos, este jardim forma um dos recantos mais bonitos da cidade. Cada passo uma surpresa, como nao podia ser diferente esse palacio e jardim tambem sao impressionantes.








Por fim, fomos a Piazza della Signoria, coração de Firenze, dominada pela torre do Palazzo Vechio, prefeitura de Florença desde 1322, com interior decorado por Vasari. Ela está cercada por um grupo magnífico de esculturas, onde destacam-se o Perseu de Cellini e o Rapto das Sabinas, de Giambologna. 
Por ali tem muitos bares e restaurantes, vale a pena sentar em algum lugar, curtir o ambiente e viajar de volta no tempo.


Pátio Palazo Vecchio.


A direita está a Galeria Uffizi, onde estão diversos exemplos da arte Fiorentina, como O Nascimento de Vênus (de Botticelli), Vênus de Urbino (Ticiano) e a Sagrada Família (Michelangelo).

Firenze não é só ótima pela incrível quantidades de obras, mas também pelo comencio efervescente, no centro você encontra milhares de lojas locais e as famosas lojas de grife, como Luis Viton, Prada e Versace. Vale a pena deixar umas horinhas para bater perna! 

A vida noturna em Firenze é agitada para todas as idades, o centro da cidade fica todo iluminado e lotado de gente passeando e andando pelas ruas. Tem de tudo, palhaçom musica, balada, bares e deliciosos restaurante.
A maioria das baladas e bares estao proximo a Santa Croce, voce tem mil e uma opções para escolher, uma ao lado da outra. Fomos em um Pub muito gostoso e com muiiitas opções de cervejas diferentes de toda a Europa.


Já estou com vontade de voltar...
Fim.

Um comentário:

  1. Fernanda Ferreira9 de junho de 2012 16:51

    Eu já achava Firenze o máximo, mas agora parece que nao vi quase nada...preciso voltar e com voce...Amei...saudades...

    ResponderExcluir